Idioma EN
Contraste

Hans Gunter Flieg – Eventos

Eventos Online Por dentro das exposições – Flieg. Tudo que é sólido 17/10/2023, terça, às 15h São Paulo Hans Gunter Flieg por Marcio Seligmann-Silva | Conversas na galeria IMS Paulista | 21/2/2024 […]


Flieg. Tudo que é sólido – Apresentação

Hans Gunter Flieg: um teatro da sociedade industrial, no centenário do seu autor Quando Hans Gunter Flieg chega ao Brasil em 1939, com 16 anos, encontra uma nação em crescente […]


Flieg. Tudo que é sólido – Indústria

Indústria A releitura do acervo de Flieg neste início do século XXI – caracterizado pela construção da sociedade do conhecimento e da informação, em muitos aspectos oposta à sociedade industrial […]


Flieg. Tudo que é sólido – Produto/publicidade

Produto/publicidade Em 1951, Hans Gunter Flieg foi o fotógrafo oficial da I Bienal Internacional de São Paulo, organizada pelo Museu de Arte Moderna (MAM-SP). Fotografou as obras premiadas e as […]


Flieg. Tudo que é sólido – Arquitetura industrial

Arquitetura industrial Hans Gunter Flieg documentou instalações fabris e prédios projetados por importantes arquitetos, como a Fábrica Duchen, construída na rodovia Presidente Dutra, de autoria de Oscar Niemeyer, projeto que […]


Flieg. All that is solid – Exhibition texts

Exhibition texts Curatorial text Introduction Industrial Architecture Industry Product/advertising Life and Work   “The task of philosophy of photography is to address the issue of freedom to photographers. Urgent philosophy […]


Flieg. Tudo que é sólido – Texto da curadoria

Texto da curadoria Sergio Burgi* Hans Gunter Flieg, nascido em Chemnitz na Alemanha em 3 de julho de 1923, cresceu em uma família judaica de classe média. Após o acirramento […]


Iole de Freitas, anos 1970 / Imagem como presença – Eventos

Eventos Online Por dentro das exposições – Iole de Freitas, anos 1970 / Imagem como presença 4/7/23, terça, às 15h São Paulo Ciclo de conversas | Presença e práticas de […]


Iole de Freitas, anos 1970 / Imagem como presença – Cronologia

Cronologia Iole de Freitas nasceu em Belo Horizonte em 1945 e aos seis anos mudou-se para o Rio de Janeiro, onde começou a estudar dança contemporânea e, entre 1964 e […]


Iole de Freitas, anos 1970 / Imagem como presença – Texto de Marcelo Araújo e João Fernandes

Iole em presença Marcelo Araújo¹ e João Fernandes² Apresentar o trabalho de Iole de Freitas realizado na década de 1970 permite não só conhecer ou revisitar um conjunto de obras […]