Santiago, Itália

Santiago, Italia

Direção

Nanni Moretti

Informações

Chile, França, Itália
2018. 80min. 12 anos

Formato de exibição

DCP

O documentário destaca o papel da embaixada italiana durante o golpe militar que derrubou o presidente Allende e instituiu uma violenta ditadura no Chile. Muitos opositores buscaram abrigo no local e conseguiram asilo na Itália.

À época, Piero De Masi e Roberto Toscano eram os embaixadores italianos em Santiago. Eles contam que começaram a receber pessoas aos poucos, mas que, em pouco tempo, já eram centenas de refugiados políticos morando na embaixada, muitos com suas famílias, inclusive crianças. “Não tínhamos mais controle, as pessoas pulavam o muro da embaixada para entrar”, lembra De Masi. Quando um incidente coloca a vida dos exilados e a reputação da embaixada em risco, os diplomatas percebem que chegou a hora de conceder asilo a essas famílias na Itália.

Em depoimento ao jornal francês Le Journal du Dimanche, o diretor declara: "Quando comecei a filmar, a sociedade era diferente na Europa. Um governo de esquerda no meu país, e o problema da imigração não tinha a dimensão atual. Eu vejo que o longa-metragem adquiriu um novo sentido. Mas essa não era minha intenção ao longo da produção. Eu estava falando do Chile dos anos 1970, depois o propósito tomou um caminho inesperado, universal. Hoje, cabe ao espectador decifrá-lo à luz do que se passa: a crise dos refugiados, as fronteiras que se fecham. Eu mostro o acolhimento e a bondade dos italianos há 40 anos. É preciso manter as esperanças."

Em 2019, o longa foi o vencedor do prêmio Davi de Donatello na categoria Melhor Documentário, além de render a Moretti o prêmio Nastro d’Argento, concedido pelo Sindicato Nacional dos Jornalistas de Cinema Italianos.

Íntegra do depoimento de Nanni Moretti.


Programação

Não há sessões previstas para esse filme no momento.


Ingressos

Os ingressos para as sessões de cinema do IMS são vendidos nas bilheterias dos centros culturais e no site ingresso.com.

As bilheterias vendem ingressos apenas para as sessões do dia. No site, as vendas são semanais: a cada quinta-feira são liberados ingressos para as sessões que acontecem até a quarta-feira seguinte.

IMS Paulista
Terça a quinta: R$20 (inteira) e R$10 (meia). Sexta a domingo e feriados: R$26 (inteira) e R$13 (meia).
Bilheteria: de terça a domingo, das 10h até o início da última sessão de cinema do dia, na Praça, no 5º andar.

IMS Rio
Terça a quinta: R$22 (inteira) e R$11 (meia). Sexta a domingo e feriados: R$26 (inteira) e R$13 (meia).
Bilheteria: de terça a domingo, das 11h até o início da última sessão de cinema do dia, na recepção.