Caricaturista consagrado no Brasil e no exterior, Cássio Loredano volta-se pela primeira vez para uma cidade em Rio, papel e lápis. Os 61 desenhos, realizados em 2014 e 2015 sob encomenda do Instituto Moreira Salles, dão conta de um Rio de Janeiro longe dos clichês, em que a natureza é apenas um pano de fundo para a beleza construída de prédios de importância histórica e afetiva para Loredano. O livro, que marca o 450o aniversário da cidade, foi lançado em 8 de agosto com a exposição de mesmo nome na Pequena Galeria do IMS-RJ.

Incorporados ao acervo do IMS, os desenhos revelam um Rio pouco conhecido – da igreja de Nossa Senhora da Cabeça, escondida no Jardim Botânico, à ponte dos Jesuítas, em Santa Cruz – e lançam um novo olhar sobre o Centro, região mais tradicionalmente retratada da cidade. A partir de um roteiro feito de memória, Loredano visitou com o fotógrafo Aílton Silva os lugares escolhidos e partiu dessas fotografias para criar seus desenhos, usando grafite, nanquim, esferográfica e aquarela. No livro, os desenhos são acompanhados por pequenos textos, de sua autoria, em que mistura dados históricos e comentários sobre suas escolhas.