Edoardo De Martino

demartino.ims.com.br

Apresentação

Edoardo de Martino (1838-1912), oficial da marinha italiana e pintor. Foi tenente da marinha de seu país natal entre anos de 1849 a 1855. Suas atividades no Brasil se iniciaram por volta de 1868, onde atuou como pintor. Foi designado pelo imperador D. Pedro II a documentar a Guerra do Paraguai, e, durante o conflito, registrou cenas de batalhas e representou com vigor e grande detalhismo vistas marítimas e embarcações. 

Em sua estadia brasileira, sabe-se que De Martino viveu principalmente no Rio de Janeiro e que teve breve permanência em Porto-Alegre. Na capital do império, o artista participou da Exposição Geral de Belas Artes de 1870. Deixou o Brasil em 1875, partindo para a Inglaterra, país onde se fixou como pintor marítimo da coroa inglesa.

Algumas das grandes vistas marítimas pintadas por Edoardo de Martino podem ser vistas no Museu Histórico Nacional, no Rio de Janeiro. Existem obras de sua autoria nos acervos do Museu Nacional de Belas Artes, Pinacoteca do Estado de São Paulo e Museu Naval e Oceanográfico, entre outros. A coleção de Iconografia do IMS conta com um precioso conjunto de 72 desenhos do artista.


Seleção de obras

VISUALIZAR POR

[Estudo para a “Batalha de Itororó”]

[Cena de batalha]

Battaglia di Campo Grande

Idea pel gruppo dei Marinari e Comoni del Monitore “Alagna”

Dopo la Battaglia

[Batalha]

×
<
>

[Estudo para a “Batalha de Itororó”]

Edoardo De Martino

- - -

[Cena de batalha]

Edoardo De Martino

- - -

Battaglia di Campo Grande

Edoardo De Martino

- - -

Idea pel gruppo dei Marinari e Comoni del Monitore “Alagna”

Edoardo De Martino

- - -

Dopo la Battaglia

Edoardo De Martino

- - -

[Batalha]

Edoardo De Martino

- - -


Por dentro dos acervos


Conteúdo relacionado


Pesquise no acervo de Iconografia

Estão disponíveis para pesquisa on-line cerca de 1.800 obras de iconografia brasileira do século XIX. Você pode realizar buscas livres, avançadas, ou navegar pelas categorias mapas, álbuns, imagens e textos. O acesso ao banco de dados oferece a possibilidade do usuário se cadastrar para salvar sua pesquisa, e uma ferramenta de zoom que permite observar as imagens em detalhes.

Detalhes de obras de J. Carlos, Araújo Porto-Alegre, Von Martius e Luiz Schlappriz / Acervo IMS

Atendimento ao pesquisador

IMS Rio de Janeiro

Rua Marquês de São Vicente, 476
Gávea - Rio de Janeiro/RJ
CEP 22451-040

Consulta presencial

Agendamento por e-mail com 72h de antecedência.
De segunda a sexta-feira, das 10h às 12h30, e das 14h às 18h.

Contato

iconografia@ims.com.br

A consulta presencial será realizada através de um banco de imagens digital, sem o manuseio dos itens originais do acervo, visando a conservação e preservação dos mesmos.

O processo de liberação de imagens possui etapas, dentre elas, autorização, elaboração de termo de responsabilidade e custos (dependendo da finalidade de uso). O prazo para conclusão dos pedidos é de até 10 dias úteis porém este limite pode se estender conforme o quantidade de itens solicitados e/ou demanda interna.

A sala de pesquisa possui número restrito de lugares, portanto solicitamos que nos seja avisado com antecedência a vinda de acompanhante. Caso não possa comparecer no dia e horário agendado, por favor, comunique.

Para o melhor aproveitamento de todos os pesquisadores, não será permitido na sala: uso de celular, notebook, caderno ou similares, consumo de bebidas ou alimentos. Ao lado da sala há um armário destinado para a guarda dos pertences.


Outros acervos