Abertura de Letizia Battaglia: Palermo

Visita guiada

Com Paolo Falcone
Relacionada à Letizia Battaglia: Palermo

Quando

27 de abril de 2019, sábado, às 11h

Entrada gratuita

Lugares limitados. Mais informações em Como participar

IMS Paulista

Galeria 2
Avenida Paulista, 2424
São Paulo/SP

Na abertura da exposição Letizia Battaglia: Palermo, o curador Paolo Falcone realiza uma visita guiada pela mostra que apresenta o trabalho da fotógrafa italiana cuja obra está profundamente ligada à cidade de Palermo, na Sicília, onde ela nasceu. Letizia Battaglia registrou a época dos conflitos mais violentos da máfia local, além de documentar o cotidiano da cidade. A exposição fica em cartaz no IMS Paulista até 22 de setembro de 2019.

Paolo Falcone é especialista na obra da fotógrafa.

A festa acabou na praia de Arenella, Palermo, 1986. Foto de Letizia Battaglia

Como participar

Entrada gratuita, por ordem de chegada.

Evento sujeito à lotação.


Sobre Letizia Battaglia

Nascida em março de 1935 em Palermo, Letizia Battaglia fez da cidade siciliana o objeto de sua arte. Foi a primeira repórter fotográfica da Itália a cobrir o noticiário policial, e durante 30 anos suas lentes revelaram principalmente o terror implantado pela máfia local, embora não apenas isso. Nos últimos anos, as homenagens à fotógrafa se multiplicaram (ela conquistou o Erich-Salomon Preis, em 2007, e o Cornell Capa Infinity Award, em 2009). Em 2016, após anos de negociações com a administração pública, conseguiu realizar um de seus maiores projetos: a criação de um Centro Internacional de Fotografia num espaço até então abandonado das docas de Palermo. O Centro, além de promover exposições e oficinas, abrigará o arquivo fotográfico da cidade, que já conta com doações de mais de 150 fotógrafos.


Vídeo relacionado


Catálogo

Letizia Battaglia: Palermo

O catálogo da mostra reúne imagens da fotógrafa italiana captadas ao longo de sua carreira. A mostra apresenta fotografias sobre a Guerra da Máfia em Palermo, especialmente nas décadas de 1970 e 1980, e também registros do cotidiano, da vida cultural e das transformações da cidade. Em preto e branco, as imagens de Letizia, que sempre encarou a fotografia como instrumento de intervenção e denúncia social, contam uma parte da história de Palermo, capital da Sicília, cidade onde nasceu e que marcou profundamente toda sua obra. 

220 páginas. Formato: 21 x 28 cm
R$114,50