Idioma EN
Contraste

O Estúdio Fotográfico Chico Albuquerque

IMS Poços de Caldas

Rua Teresópolis, 90

Jardim dos Estados - Poços de Caldas/MG

CEP 37701-058

Visitação

Exposição encerrada.
De 7 de outubro de 2014 a 5 de abril de 2015

Horário

De terça a sexta-feira, às 14h, acontecem visitas mediadas por educadores.

Contato

Tel.: (35) 3722-2776

Apresentação

Curadoria

Sergio Burgi

Na Internet

#ChicoBuarqueEstudioIMS

Imprensa IMS

(11) 3371-4455 comunicacao@ims.com.br

O Instituto Moreira Salles apresenta, a partir de 07 de outubro em seu centro cultural em Poços de Caldas, a exposição O Estúdio Fotográfico Chico Albuquerque, com curadoria de Sergio Burgi, coordenador de Fotografia IMS. A exposição já esteve no Rio de Janeiro e em São Paulo através de uma parceria entre o IMS e o Museu da Imagem e do Som (MIS).

A exposição Estúdio Fotográfico Chico Albuquerque traz 150 imagens que integram o acervo produzido pelo fotógrafo durante seu período de atuação profissional em São Paulo, selecionadas a partir das principais vertentes da obra do autor: fotografia publicitária, fotografia industrial e de arquitetura, retrato de estúdio e documentação urbana. O projeto expográfico incorpora, ainda, um significativo conjunto de imagens do acervo que serão exibidas digitalmente na exposição.

Entre as décadas de 1950 e 1970, Chico Albuquerque trabalhou intensamente com propaganda e campanhas comissionadas, atendendo clientes de setores como indústria automobilística, moda, alimentos, arquitetura e política. Paralelamente à atividade comercial, manteve seu interesse na fotografia experimental e entre as décadas de 1940 a 1960 participou do movimento conhecido como fotoclubismo, que acontecia principalmente em torno do Foto Cine Clube Bandeirante. Seu pioneirismo na fotografia de publicidade no Brasil ainda é pouco conhecido, pois apenas uma pequena parte de seu acervo de 70.000 imagens veio a público. 

Um dos fotógrafos pioneiros da publicidade brasileira, Chico Albuquerque profissionalizou-se no ano de 1934, fazendo retratos no estúdio da família, em Fortaleza. Já em 1942, participou como fotógrafo de cena das históricas filmagens de It’s all true, de Orson Welles, experiência que marcou sua trajetória profissional. Cinco anos depois, mudou-se para São Paulo e montou um dos mais bem equipados estúdios da cidade que, logo, transformou-se em referência no Brasil.

Desde 2006 o Acervo Francisco Albuquerque se encontra sob a guarda do Instituto Moreira Salles em decorrência de um convênio entre o IMS e o MIS-SP, detentor do acervo - com a interveniência e participação do Instituto Cultural Chico Albuquerque de Fortaleza  que visa a sua preservação e difusão.

Vista da avenida São João, década de 1950, São Paulo. Chico Albuquerque / Convênio Museu da Imagem e do Som - SP / Instituto Moreira Salles

Vídeo

Neste vídeo, o coordenador de fotografia do IMS, Sergio Burgi, explica como sua equipe está restaurando o material, num processo muito delicado, artesanal. E pode-se ver em algumas fotos a diferença entre como chegaram e como estão hoje. São os casos dos retratos do ex-presidente Jânio Quadros, do ex-deputado Ulysses Guimarães e do paisagista Roberto Burle Marx.

Exposição encerrada.

Imagens


Sobre os acervos

Mais IMS