Idioma EN
Contraste

Fotografação

Direção

Lauro Escorel

Informações

Brasil
2019. 76min. 10 anos

Formato de exibição

DCP

Debate

IMS Rio: 11/3/2020, às 19h30

Um olhar sobre a fotografia brasileira, de seu surgimento aos dias atuais, Fotografação contempla a representação do país no trabalho de diversos autores e discute o impacto das tecnologias digitais na sociedade contemporânea.

Lauro Escorel, que foi diretor de fotografia em filmes de Leon Hirszman (São Bernardo), Cacá Diegues (Bye bye Brasil) e Hector Babenco (Lúcio Flávio, o passageiro da agonia), entre muitos outros, explica a concepção do documentário: “Foi do desejo de mostrar a um público mais amplo as belas imagens guardadas nos principais acervos do país que nasceu a ideia de fazer um documentário sobre a história da nossa fotografia. Vi ali a possibilidade de narrar como se deu a apresentação do Brasil aos brasileiros (e ao mundo) por meio da fotografia. [...] Busquei valorizar o trabalho daqueles fotógrafos que nos ajudaram a construir a imagem do país que trazemos conosco, valorizando seu olhar humanista.”

Citações extraídas do material de divulgação do filme

Este filme foi exibido em 2019 no 24º Festival É tudo verdade 

Cena de "Fotografação", de Lauro Escorel

Programação

Não há sessões previstas para esse filme no momento.


Debate

Após a exibição de Fotografação, acontecerá um debate com Lauro Escorel, Milton Guran e Sabrina Moura.

IMS Rio
11 de março de 2020, às 19h30

Lauro Escorel é um dos mais conceituados diretores de fotografia brasileiros. Foi assistente de Dib Lutfi e Affonso Beato antes de estrear como diretor de fotografia em São Bernardo (1971), de Leon Hirzsman, prêmio de melhor fotografia em Gramado. Seu trabalho em Ironweed (1987), de Hector Babenco, filmado nos EUA, lhe abriu as portas para o mercado norte-americano. No exterior, assinou a direção de fotografia de Indecency (1992), de Marisa Silver, Dangerous Heart (1993), de Michael Scott, e Amelia Earhart: The Final Flight (1994), de Yves Simoneau, entre outros. No Brasil, foi responsável pela direção de fotografia de filmes como Toda nudez será castigada (1973), de Arnaldo Jabor, e Bye Bye Brazil (1980), de Cacá Diegues. Como diretor, realizou o longa Sonho sem fim (1985), prêmio especial do júri no Festival de Gramado, além de vários curtas documentários.  É membro da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood (AMPAS) e um dos fundadores da Associação Brasileira de Cinematografia (ABC).

Milton Guran é fotógrafo e antropólogo. Curador na área de fotografia, é coordenador-geral do FotoRio e membro da diretoria da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil. Ganhador da Bolsa Vitae de Artes (1991) e, por duas vezes, do prêmio Marc Ferrez da Funarte. Em 2016, foi contemplado no programa Rumos Itaú Cultural. Seus trabalhos fazem parte das coleções MASP Pirelli, do MAM - Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, MAR - Museu de Arte do Rio e da MEP - Maison Européenne de la Photographie, dentre outras, públicas e privadas. Autor de Linguagem Fotográfica e Informação (2005, 3ª ed.), dentre outras obras e artigos no campo da fotografia e da antropologia.

Sabrina Moura é curadora, pesquisadora e doutoranda em História no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp. Tem mestrado em Estética e História da Arte pela Universidade Paris VIII e em Direção de Projetos Culturais pela Universidade Paris III Sorbonne Nouvelle.


Ingressos

Os ingressos para as sessões de cinema do IMS são vendidos nas bilheterias dos centros culturais e no site ingresso.com.

IMS Paulista
Terça a quinta: R$20 (inteira) e R$10 (meia). Sexta a domingo e feriados: R$26 (inteira) e R$13 (meia).
Bilheteria: de terça a domingo, das 12h até o início da última sessão de cinema do dia, na Praça, no 5º andar.

A bilheteria vende ingressos apenas para as sessões do dia. No ingresso.com, a venda é semanal: toda quarta-feira, às 18h30, são liberados ingressos para as sessões que acontecem até a quarta-feira seguinte.

IMS Rio
Terça a quinta: R$22 (inteira) e R$11 (meia). Sexta a domingo e feriados: R$26 (inteira) e R$13 (meia).
Bilheteria: de terça a domingo, das 11h até o início da última sessão de cinema do dia, na recepção.

A bilheteria vende ingressos apenas para as sessões do dia. No ingresso.com, as vendas para as sessões de cada mês acontecem a partir do 1º dia do mês vigente.


Conteúdo relacionado


Mais cinema

Mais IMS