Cursos do 2º semestre de 2019

Estão abertas as inscrições para os cursos deste semestre no IMS Paulista, como J. Carlos e o ofício do ilustrador (destaque). Com ênfase em fotografia e voltada para o público leigo e para quem deseja aprofundar seus conhecimentos, a programação contempla também áreas como literatura, música e artes visuais, além de dialogar com as exposições em cartaz.


O vasto território de Ferrez

A retrospectiva Marc Ferrez: Território e imagem, no IMS Paulista, amplia o olhar sobre um dos gigantes da fotografia brasileira do século XIX, cuja obra excepcional, que compõe um retrato do Brasil em modernização, se pautou no diálogo com a ciência e a tecnologia. (Mànya Millen)


Echo chega ao IMS Paulista

Da imensidão desértica do Catar a um vale verdejante na Nova Zelândia, das movimentadas ruas de Nova York e Londres a grandes museus e galerias, as esculturas em aço de Richard Serra impressionam pela escala monumental das obras do artista. O IMS Paulista integrou-se a este circuito ao receber em seu terreno a Echo. Foto de Maria Clara Villas.


Cursos IMS Paulista: 1º semestre de 2019

Estão abertas as inscrições para os cursos e oficinas deste semestre no IMS Paulista. Com destaque para a fotografia e voltada para o público leigo e para quem deseja aprofundar os conhecimentos, a programação contempla também áreas como literatura e música, além de dialogar com as exposições em cartaz.


Projeto ético, luta sem fim

“Nossa luta não acabou, a luta vai continuar”, alerta Claudia Andujar durante conversa com Thyago Nogueira registrada em vídeo por Maria Claria Villas. Em depoimento a Mànya Millen, o curador fala sobre a trajetória da fotógrafa, chamada de “mãe” pelos Yanomami, e as particularidades emocionantes de montar a exposição.


Cursos e oficinas do IMS Paulista: 2º semestre 2018

Fotografia, literatura, iconografia, música e cinema são assuntos do extenso cardápio de cursos, oficinas e rodas de conversa programados pelo IMS para o segundo semestre. Confira e inscreva-se.


O tempo de Douglas Gordon

Para o crítico Tiago Mesquita, embora Îlles flottantes estabeleça uma ponte com a pintura, é do cinema que vem a influência mais evidente de Douglas Gordon, com obra caracterizada pela lógica do prolongamento temporal. (Mànya Millen)


A cidade e a morte na mesma galeria

Duas novas exposições chegam ao IMS Paulista na mesma data, 14/4, compartilhando a Galeria 1: São Paulo, fora de alcance, de Mauro Restiffe, e Îles flottantes (Se Monet encontrasse Cézanne, em Montfavet), de Douglas Gordon.


Cursos e oficinas do IMS Paulista: 1º semestre 2018

Restam vagas em apenas cinco dos cursos do IMS Paulista para o primeiro semestre de 2018. Um deles é A imagem impressa antes da fotografia, com Claudio Mubarac. Inscreva-se! (No destaque: “Santa Madalena”, xilogravura de mestre anônimo do século XV)


Chichico Alkmim: audioguia

Durante visita à exposição Chichico Alkmim, fotógrafo, você já pode acompanhar no seu celular comentários do curador da mostra e de especialistas na obra do retratista de Diamantina.