Idioma EN
Contraste

Roupas de preta, olhares de branco: indumentária e imagens coloniais

A partir de uma pesquisa iconográfica no acervo de imagens do IMS datadas da segunda metade do século XIX, a fala da curadora Hanayrá Negreiros, que se relaciona também à exposição de livros Indumentárias negras em foco, em cartaz na Biblioteca de Fotografia, tem por objetivo iniciar discussões acerca do estudo das indumentárias usadas por mulheres negras, escravizadas e forras, nas chamadas carte-de-visite, pequenas fotografias em formatos de cartões-postais, popularmente feitas e comercializadas nos grandes centros urbanos brasileiros, sob a luz da escravidão e do colonialismo. Agora, no século XXI, fotografia e moda aliam-se no estudo da roupa como documento histórico, no entendimento da cultura material e no resgate de possíveis histórias e memórias ancoradas em corpos e vestes negras.


Vídeo da conversa


Sobre Hanayrá Negreiros

É mestre em Ciência da Religião pela PUC-SP e graduada em Negócios da Moda pela Universidade Anhembi Morumbi. Tem como principais focos de estudo as estéticas afro-brasileiras e africanas, que se manifestam através da indumentária, iconografia, memórias e religiosidades negras.


Como participar

Quando
29 de novembro de 2019, sexta, às 19h30

Entrada gratuita, sujeita à lotação.

Distribuição de senhas 60 minutos antes do evento. Limite de 1 senha por pessoa.


Exposição relacionada


Mais eventos

Mais IMS