Idioma EN
Contraste

Urihi Haromatipë – Curadores da terra-floresta

Direção

Morzaniel Ɨramari Yanomami

Informações

Brasil
2014. 60min. Livre

Formato de exibição

DCP

Sessão especial

IMS Rio: 23/8, com Morzaniel Ɨramari Yanomami e Davi Kopenawa

Os trovões estão avisando: “A Terra está doente”. Para curá-la, Davi Kopenawa reuniu em Roraima os xamãs Yanomami de diversas regiões. Com a ajuda do alimento dos espíritos, o pó alucinógeno yãkoana, eles vão tratar os males provocados pelas cidades e pelas doenças dos brancos.

Em depoimento para o Canal Curta, o diretor descreve o filme como um movimento de “registrar nossa cerimônia, nossos costumes, nossas festas. O que a gente usa, o que a gente faz nas nossas comunidades. O xamanismo é mais importante para nós Yanomami. Serve para curar quem é doente, serve para melhorar o mundo.”

Segundo Pedro Portella, produtor-executivo e montador do filme, Morzaniel, formado em um ponto de cultura indígena, é o primeiro realizador de cinema Yanomami. “Tanto a fotografia como a forma como ele já edita filmando são muito particulares no universo desse realizador indígena”, comenta ele.

Morzaniel Ɨramari Yanomami também dirigiu o curta Casa dos espíritos (2010), vencedor do prêmio de Melhor Filme, segundo o júri popular, na Mostra Aldeia SP, em 2014.

No dia 23 de agosto, a exibição das 18h30 contará com a presença de Davi Kopenawa e Morzaniel Ɨramari Yanomami e complementa o seminário Representações e narrativas visuais sobre a questão indígena, no contexto da exposição Claudia Andujar: a luta Yanomami.

Veja a íntegra dos depoimentos citados.


Programação

Não há sessões previstas para esse filme no momento.


Ingressos

Entrada gratuita. Lugares limitados.


Exposição relacionada


Mais cinema

Mais IMS