Blog do Cinema Veja Mais +

Quinzena de Revisões

18 de dezembro de 2018

No sábado, dia 22, como parte da mostra Revisões 2018, o IMS Paulista exibe Central do Brasil, de Walter Salles, em cópia restaurada. Dora escreve cartas na estação Central do Brasil, no Rio de Janeiro, para pessoas analfabetas. Quando uma de suas clientes é atropelada, seu filho Josué, de nove anos, fica perdido na estação. A contragosto, Dora acolhe o garoto e acaba acompanhando-o até o interior do Nordeste, à procura do pai.

Central do Brasil recebeu o Urso de Ouro de Melhor Filme e Fernanda Montenegro o Urso de Prata de Melhor Atriz no Festival de Berlim de 1998. No ano seguinte, o filme ainda levaria o prêmio de Melhor Filme Estrangeiro no Globo de Ouro.

Também na mostra Revisões, o IMS Rio e o IMS Paulista promovem do dia 21 ao dia 30 sessões de Halloween: a noite do terror, de John Carpenter. Quinze anos depois de assassinar sua irmã na noite de Halloween de 1963, Michael Myers escapa de um hospital psiquiátrico e retorna para a pequena cidade de Haddonfield, onde vive a jovem Laurie Strode.

Ao longo de 40 anos, o filme arrecadou o equivalente a 2000% do seu orçamento original de produção, tornando-se o filme independente de terror mais bem-sucedido do cinema americano. Foram produzidos mais dez longas dentro da mesma franquia, sete deles com Jamie Lee Curtis.

 

 

Outros destaques da quinzena

Limite

Único longa-metragem dirigido pelo também poeta e romancista Mário Peixoto, na época com 22 anos, considerado uma das obras mais importantes da história do cinema brasileiro. Numa canoa perdida em alto mar, três náufragos – duas mulheres e um homem. Cansados, eles param de remar. Uma das mulheres conta sua história: ela escapou da prisão com a ajuda de um guarda, sem encontrar o conforto que esperava.

 

 

Diamantino

Diamantino, um famoso jogador de futebol português, encerra sua carreira ao perder um pênalti na final da copa do mundo. Em busca de um novo propósito na vida, o ícone internacional embarca em uma jornada delirante, em que enfrenta o neofascismo, a crise dos refugiados, mutações genéticas e a busca pela origem de seu gênio.

 

 

Infiltrado na Klan

Em 1978, Ron Stallworth, primeiro policial negro de Colorado Springs, conseguiu se infiltrar na Ku Klux Klan local. Ele se comunicava com os outros membros do grupo através de telefonemas e cartas, e quando precisava estar fisicamente presente enviava um outro policial, seu colega branco e judeu, em seu lugar.

 

 

Tinta bruta

Enquanto responde a um processo criminal, Pedro é forçado a lidar com a mudança da irmã para o outro lado do país. Sozinho no escuro do seu quarto, ele dança coberto de tinta neon, enquanto milhares de estranhos o assistem pela webcam.

 

O processo

Em cerca de 450 horas de material filmado, Maria Augusta Ramos acompanhou o processo que culminou no impeachment da presidente Dilma Rousseff. Concentrada em sua defesa, formada por José Eduardo Cardozo, Gleisi Hoffmann e Lindbergh Farias, a diretora faz um estudo particular dos bastidores desse momento histórico, ao longo de reuniões e discussões no Senado Federal, mas também por meio das expressões de seus protagonistas e dos defensores do impeachment.

 

Shaft

Dirigido por Gordon Parks em 1971, o filme é um dos fundadores do gênero blaxploitation. O detetive John Shaft é contratado por um chefe do crime de Nova York para encontrar sua filha sequestrada.

 

 

Filme paisagem

A vida e a obra de Roberto Burle Marx ganham um recorte neste documentário que apresenta suas ideias e lembranças, numa sucessão de paisagens sensoriais que resgatam a trajetória do pintor, escultor e paisagista que projetou praças e jardins em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Recife.


Sobre os acervos

Mais IMS