Idioma EN
Contraste

Reabertura do IMS Poços

A diretoria do Instituto Moreira Salles assina este texto em que celebra a reabertura, em janeiro de 2024, do centro cultural em Poços de Caldas, depois de obras que melhoraram as condições de acolhimento de visitantes e ampliaram as possibilidades de suas programações.


Um 2024 movimentado no IMS

Entre outros destaques, o instituto apresenta exposições de Josef Koudelka, Jorge Bodanzky, Stefania Bril e Thomaz Farkas na sede de São Paulo. O centro cultural em Poços de Caldas receberá uma exposição de Walter Firmo no segundo semestre.


IMS conquista Prêmio Jabuti com catálogo da exposição Walter Firmo

O Instituto Moreira Salles recebeu o Prêmio Jabuti na categoria Artes pelo catálogo da exposição Walter Firmo: no verbo do silêncio a síntese do grito, que estreou no IMS Paulista em abril de 2022 e passou por várias cidades brasileiras.


Danilo Santos de Miranda (1943-2023)

30 de outubro de 2023 | Equipe IMS Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc SP (Foto: Coletivo Garapa) O Instituto Moreira Salles lamenta o falecimento de Danilo Santos […]


Renata Bittencourt é a Diretora de Educação do Instituto Moreira Salles

&bnsp


Oriki Adurá – Mês da Consciência Negra no IMS

Viviana Santiago, coordenadora de Diversidade e Inclusão do IMS, apresenta a programação do instituto para o Novembro Negro. Entre as atrações, um podcast sobre Lima Barreto, uma apresentação de música senegalesa e o festival negro de cinema NICHO Novembro, com filmes como Alma e Rainbow (foto).


Nelson Freire quando jovem

Um dos maiores pianistas do Brasil, Nelson Freire (em destaque) deixou algumas raridades. Uma delas é um disco em 78 rotações gravado aos 6 anos, com quatro músicas que compôs mais jovem ainda, aos 5. Agora, às vésperas de seu aniversário (ele faria 78 anos em 18/10/2022) o IMS disponibiliza no site o disco digitalizado, cedido pela sua família.


IMS lança roteiro original de Cabra marcado para morrer

O IMS lança no dia 6/10 o ebook O primeiro cabra, com o roteiro original e digitalizado de Cabra marcado para morrer, de Eduardo Coutinho (em destaque na foto que mostra cena do filme). No mesmo dia, será apresentada no site do instituto a página de autor de Coutinho. Para marcar a ocasião, o documentário de 1985 ganha exibições nos cinemas do IMS Rio e IMS Paulista.


IMS Paulista, 5 anos

O prédio do IMS Paulista completou cinco anos em 20/9 como um projeto exitoso. Mais de 1,8 milhão de pessoas visitaram exposições, participaram de cursos, assistiram a eventos e sessões de cinema, num período em que a instituição olha para o futuro buscando mais diversidade e inclusão. (Foto de Pedro Vanucchi/Acervo IMS)


Wilma Martins (1934-2022)

Morta em 8/9, aos 88 anos, a mineira Wilma Martins construiu uma obra admirável, mas em grande parte desconhecida. A exposição Constelação Clarice, em cartaz no IMS Rio, preenche um pouco essa lacuna, apresentando quatro trabalhos seus: três xilogravuras e um desenho. (Foto de Alexandre Martins)